Carpintaria na Australia:

O que voce precisa saber?

Capentry se tornou um curso muito popular nos ultimos anos, para estudantes internacionais. Muito desta popularidade se da pelo fato de que este curso oferece um caminho para a residência permanente na Australia. Este artigo vai abordar algumas informações importantes do processo que leva a oportunidade de residência permamente, desde o momento que o estudante inicia o curso de carpentry até o tão esperado momento da aplicação para o visto de residência. Vale lembrar que a profissão de carpentry, está no momento, na lista de profissões em demanda na Australia. Esta lista sofre alterações a cada 6 meses e não é garantia que a profissão permanecerá em demanda nos próximos anos. Nós estimamos que sim, pois essa é uma área que faltam profissionais, porém esta decisão cabe aos orgãos officiais.

O que é Carpentry na Australia? Com o que vou trabalhar?

Carpentry, na Australia, é uma profissão relacionada a construção de casas, prédios, pontes, estabelecimentos comerciais e entre outros. Você seria aquele que põe as mãos na massa mesmo, desde o início de um projeto de construção até seu acabamento. Os cursos tem geralmente 92 semamans de duração e contém parte prática e teórica. Além dos estudos, existe um componente prático que se dá pela realização de um estágio de 360 horas. Geralmente as instituições auxiliam os alunos na busca por estágios, mas o aluno é responsável por estabelecer contato com os empregadores.

E depois que eu acabar meu curso, posso aplicar para a residência permanente?

Ainda não. Para você aplicar a residência, você precisa de uma oferta de emprego full-time, por no mínimo um ano. E essa oportunidade só é possível através do visto de trabalho 485. O visto 485 é um visto que o estudante têm direito após concluir dois anos de estudos em uma das áreas em demanda. Você terá 18 meses de visto de trabalho após os estudos, e é neste período que o estudante deve arrumar um emprego na área de construção. Os requisitos e passo a passo para aplicação do visto 485 nós vamos informar em um segundo artigo.

Eu consegui a oferta de trabalho e trabalhei por 1 ano, posso aplicar para residência?

Sim, se você conseguiu os requisitos necessários: Experiência de trabalho – Mínimo de 1725 horas em 12 meses e nível de inglês competente, você está pronto para fazer o full assessment pelo TRA (Trades Recognition Australia)*. Somente após realizar o full assessment e obter resultado satisfatório o estudante consegue dar entrada no processo de residência permamente. O caminho mais comum é o visto 189 (independent) quando não há sponsor (patrocínio do estado ou empregador). A obtenção de um convite para aplicar o visto 189 se dá por competição entre os candidatos que submeterem expressão de interesse pelo site da imigração, o mínimo são 65 pontos. O site da imigração oferece uma ferramente que te ajuda a calcular a sua pontuação baseado em experiência, inglês, estudos e idade. Quanto mais pontos, maiores são suas chances.

O visto 189 é a minha única opção?

Não, existem processos de patrocínio pelos estados Australianos e por empregadores. Em ambos os casos existe change de conseguir a residência permamente.

Eu acabei de chegar na Australia, quais são os pontos mais importantes que devo focar se quero imigrar fazendo o curso de Carpentry?

O ponto mais importante é o Inglês. Se você não conseguir passar no teste de Inglês (PTE, IELTS, TOEFL ou CAE) você não consegue passar nem da etapa do visto 485; já que o teste de inglês é requisito para aplicação do visto ao término dos estudos. Outro ponto importante é experiência de trabalho, então desde cedo é interessante o aluno já ir fazendo contatos na área. Muitos alunos já começam a trabalhar em obras com limpeza e assistência nos serviços gerais.

Na SOL Edu Brasileiros, nos preocupamos com o seu bem-estar e sempre queremos o melhor para você, se tiver alguma dúvida, entre em contato ou nos escreva para nossas redes sociais.

Se você quiser saber o seu nível de inglês, vá para: TESTE DE INGLÊS